Reflexão sobre o Evangelho de Lucas 1, 39-45

21/12/2012 06:40

 

Naqueles dias, Maria partiu para a região montanhosa, dirigindo-se, apressadamente, a uma cidade da Judeia. Entrou na casa de Zacarias e cumprimentou Isabel. Quando Isabel ouviu a saudação de Maria, a criança pulou no seu ventre e Isabel ficou cheia do Espírito Santo. Com um grande grito, exclamou: “Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre!” Como posso merecer que a mãe do meu Senhor me venha visitar? Logo que a tua saudação chegou aos meus ouvidos, a criança pulou de alegria no meu ventre. “Bem-aventurada aquela que acreditou, porque será cumprido o que o Senhor lhe prometeu”. 

A palavra de Deus hoje, nos trás o encontro de Maria com sua prima Isabel, o que chama bastante atenção é a saudação de Isabel. Por um  momento um questionamento me incomodou, pois fiquei a  pensar porque só a presença de Maria fez toda esta alegria de Isabel e de seu bebê e cheguei a conclusão que tudo isso aconteceu por que Jesus estava no ventre de Maria. Porém hoje vejo que também  não geramos nas esta alegria que foi gerada em Isabel e não podemos dizer que é por causa da falta de Jesus,por que se fez alimento na eucaristia.  Então porque não geramos essa alegria, porque ate recebemos Jesus todo domingo, mas este não permanece conosco porque temos atitudes e momentos da nossa vida que colocamos Jesus fora.

Fica uma pergunta para refletimos:

O que precisamos abandonar para que Jesus permaneça em nossa vida e possamos levar a alegria assim como Maria levou para Isabel?

Bom dia e boa reflexão!!!